1 de dezembro de 2015

A vida de Francisco

A vida do homem por trás do Sumo Pontífice, primeiro papa latino-americano e primeiro papa jesuíta da história, está na minissérie Francisco, o Jesuíta, que estreia na próxima quinta-feira, 3, às 22 horas, no canal History.
Em quatro capítulos, a atração começa com o recém-empossado papa Francisco, vivido pelo ator argentino Gustavo Yanniello, diante de suas primeiras importantes decisões no comando da igreja moderna: combater a corrupção no Banco do Vaticano e os inúmeros casos de pedofilia praticados por padres em todo o mundo.
A produção ainda mostra Bergoglio no período em que era sacerdote na Argentina, sua relação com os amigos e inimigos, sua atuação durante o regime militar e os trabalhos assistenciais que realizou durante anos com moradores de rua. Os atores Sergio Calvo e Ramiro Boga interpretam o pontífice nas fases jovem e criança, respectivamente.
No cinema
A vida do papa Francisco, durante os anos sombrios da ditadura militar na Argentina (1976-1983), também é narrada no filme Chiamatemi Francesco (“Me chame de Francisco”, em tradução livre), que estreia na próxima quinta-feira, 3, na Itália.

O longa de 98 minutos narra a história do argentino Jorge Mario Bergoglio - do início de sua vida sacerdotal até sua eleição ao Trono de Pedro, em março de 2013
A superprodução dirigida pelo italiano Daniel Luchetti custou cerca de US$ 15 milhões. Francisco é interpretado por dois latinos: o argentino Rodrigo de la Serna (Diários de Motocicleta) e o chileno Sergio Hernandez (Glória) como pontífice.
Uma exibição especial do filme será feita no Vaticano, hoje, para 7 mil convidados, entre eles moradores de rua e voluntários da igreja.
Folhapress

Nenhum comentário:

Postar um comentário