20 de fevereiro de 2015

Médico Rômulo Ferrer avaliou o atacante Lúcio Maranhão e considera um fator positivo o fato do jogador não possuir histórico de lesões musculares, porém somente após o exame de imagem poderá dar um diagnóstico mais preciso sobre a contusão do jogador

Médico Rômulo Ferrer avaliou o atacante Lúcio Maranhão e considera um fator positivo o fato do jogador não possuir histórico de lesões musculares, porém somente após o exame de imagem poderá dar um diagnóstico mais preciso sobre a contusão do jogador. (Fotos: Nodge Nogueira)
Sem tempo para lamentações, o Fortaleza desembarcou por volta das 19h20min desta quinta feira (19) em nossa capital, procedente de Teresina, onde o Leão empatou com o River em 2 a 2 pela Copa do Nordeste. 

Embora estivesse claro no semblante dos jogadores a frustração por ter deixado escapar uma vitória que se desenhava como certa, ninguém queria saber de “chorar o leite derramado”, como o atacante Cassiano. “Não há tempo para gente ficar remoendo situações negativas, agora é pensar no Maranguape, mais um jogo importante para a nossa sequencia. É descansar e se preparar pra buscar mais uma vitória” afirmou. 

O também atacante Lúcio Maranhão demonstrava certa preocupação com a contusão que o tirou do jogo em Teresina ainda no primeiro tempo: “Senti aqui a coxa e preferi sair pra não agravar. Nunca tive contusão muscular, mas embora ainda esteja sentindo um pouco acho que não é nada de grave. Amanhã a gente vai fazer um exame e saber o que houve”, ressaltou. 

O médico Rômulo Ferrer, que acompanhava a delegação, também falou sobre o problema de Lúcio Maranhão: “O Lúcio sentiu uma fisgada na parte posterior da coxa esquerda, conversamos com o jogador e preferimos tirá-lo do jogo, porque poderia agravar. Vamos ver o exame dele amanhã, mas como ele não apresenta nenhum histórico de lesão muscular, estamos otimistas de que não seja nada grave”, concluiu o médico leonino. 

Após o desembarque todos foram liberados com ordem de reapresentação na manhã dessa sexta feira, quando fazem um treino e o técnico Nedo Xavier já relaciona um grupo para a concentração que começa ao meio dia. 

Leão enfrenta o Maranguape no sábado, 18 horas, no estádio Presidente Vargas, pela rodada de abertura da segunda fase do Estadual. 

ASSESSORIA DE IMPRENSA DO FORTALEZA
Jornalistas: Nodge Nogueira/Raissa Feijó
 



Nenhum comentário:

Postar um comentário